Os estilistas de Londres que vão tirar a moda do tédio… com dicas de Eduardo Jordão de Magalhães

Eduardo Jordão de Magalhães observa, pensa e vive moda . Há 20 radicado em Londres, é consultor Internacional de Estilo, Imagem, Branding e Estrategista de Comunição Internacional, trabalhando com diversas marcas na Europa, Ásia e Brasil. Mas Eduardo Jordão é o Edu, antenado, amigo de um monte de gente e rápido em sacar talentos. A pedido da Casa de Criadores, ele elege os jovens estilistas de Londres, terra que escolheu para amar.
1- Claire Barrow – “Artista plástica/designer extremamente talentosa, Claire despontou no evento Fashion East para novos talentos e desde lá não parou mais. Na contramão vivida pela sua geração de ‘criadores’, suas peças muitas vezes são vários itens com uma produção limitadíssima, exibidas e vendidas diretamente aos fiéis seguidores online, e não mais em lojas-conceito como as gerações anteriores. Não podemos esquecer de que estamos falando de uma tribo-nativa das redes sociais e que já nasceu conectada. Quem sabe esteja aí o novo modelo de negócio da nova geração: limitado + globalmente conectado  + instaexposição digital = $ucesso http://www.clairebarrow.com”
1-claire
2- Matty Bovan – “O mais colorido sem dúvida de toda essa gang dos novos supertalentosos, Bovan apareceu  também em um evento para jovens designers e foi imediatamente catapultado para estrelar, desenhar, ilustrar diversas campanhas e editoriais com peças para desfiles especialmente encomendados via sua mentora e consultora Katie Grand. Marc Jacobs, MAC e Miu Miu são apenas algumas das marcas que já enxergaram o talento technicolor de Matty”
2-Matty
3- Charles Jeffrey/ Jack Appleyard, da Loverboy – “Eles têm uma parceria de sucesso nas pistas de clubs que promovem suas noite onde musica, moda+ total liberdade de expressão visual são altamente encorajadas. Assim como na marca em que os dois produzem diversas medias, fanzines, camisetas e looks de papel machê do também colaborador da Loverboy, o cenógrafo Gary Card, eles têm suas edições esgotadas em poucos cliques http://www.mattybovan.com”
3-Charles
4- Luke Brooks / James Thesis Buck – “Eles são os designers multi-sensorais do label Rottingdean Bazaar. São bottoms, acessórios e ideais que a dupla subverte e diverte sempre com suas extremamente irônicas criações. Vale relembrar os bottoms de pelos pubianos ou as bandeiras desfiadas, hit absoluto no desfile do designer Christopher Shannon durante o ultimo LFW https://www.rottingdeanbazaar.com

4-looke

5- Ryan Lo – “O designer que nasceu em Hong Kong, mas estudou Moda em Londres, foi também um dos muitos jovens que passaram pelas mãos  e olhar sempre voltado para o novo de Lulu Kennedy e o seu famoso celeiro de talentos O Fashion East, um quase irmão britânico da Casa de Criadores. Com esse background fica até fácil de entender um pouco mais o olhar do estilista, sua cartela de cores inusitada, as sobreposições de texturas e culturas e seus personagens que parecem ter saído de um mangá. Só que, no seu caso, desenhados como se fossem para a Vogue, marca registrada do designer que a cada estação vem aumentando o volume e contou no seu último desfile com os chapéus de Stephen Jones e cabelos do star hairstylist Sam McKnight http://www.ryanlo.co.uk

5-ryan-lo

E abaixo, o Eduardo Jordão!
FullSizeRender
Compartilhe: