Brujas: as skatistas radicais e politizadas do Bronx que estão na mira do mundo da moda

O streetwear é o estilo que nasce na rua, guiado por atitude no jeito de pensar e se vestir e nos esportes, claro. Está totalmente ligado ao lifestyle e, enraizado na cultura californiana do surfe e skate, cresceu e passou a abranger símbolos da moda japonesa, da alta-costura e da moda hip-hop. E é desta última que vamos falar.

Nos últimos tempos, a indústria fashion anda mais atraída por ícones do hip-hop. A cover girl da “Elle” americana de junho foi Missy Elliott, a rapper, MC e produtora musical americana que, com apenas 1,57 m de altura e looks dominados por correntes, diamantes e bonés, deixa claro a que veio. Detalhe: no editorial para a revista, ela apareceu justamente com todos os elementos que tanto gosta.

Missy Elliott no editorial de moda da edição de junho da revista “Elle” || Créditos: Reprodução Elle

Também na mira fashion graças ao estilo cool de rua ligado ao hip-hop estão as meninas do Brujas (bruxas em espanhol), grupo baseado no Bronx, em Nova York, liderado por Arianna Gill. O Brujas nasceu como um grupo de garotas skatistas negras que uniram força para circular com segurança pelas pistas de skate do bairro.

As garotas do Brujas clicadas para a “Vogue” americana: Arianna Gil, Anne Adames, Nesa Guzman, Ashley Luciano, Kayla Morricona e Sam Olivieri || Créditos: Reprodução Vogue

Sob o lema “construir algo maior do que nós mesmas, juntas”, o crew de skate cresceu rapidamente agregando todas as garotas que sentiam afinidade por ele. Passou a ser cada vez mais conhecido, sobretudo por sua força política e cultural.

As Brujas clicadas para matéria publicada no “The New York Times” || Créditos: Reprodução New York Times

Hoje, o Brujas direcionou seu foco para se tornar uma organização engajada em apoiar minorias étnicas, a comunidade LGBT e imigrantes, e aposta na moda para ganhar mais impulso. Lançaram sua linha de streetwear no mercado com coleção de estreia batizada “1971” – uma homenagem ao presídio Attica, de Nova York, que naquele ano sediou um dos maiores confrontos entre prisioneiros e autoridades dos Estados Unidos da história. Parte das vendas obtidas com a vendas das peças foi destinada a presos da instituição. Curtiu? Abaixo, o link do Brujas!

Blusão da marca Brujas à venda por US$ 55 || Créditos: Divulgação

+brujas-nyc.myshopify.com

Compartilhe: