Lanvin elege Olivier Lapidus como diretor criativo. Todos os detalhes, aqui!

Três dias após o anuncio da saída de Bouchra Jarrar do cargo de diretora criativa da Lanvin, onde ficou por 16 meses, a marca já tem nome para assumir o posto: Olivier Lapidus.

Ainda segundo o portal “WWD”, sua primeira coleção para a marca será apresentada em setembro, em Paris, durante a temporada de primavera 2018.
Atualmente, a marca pertence ao magnata tailandês Shaw-Lan Wang.

E a chegada de Lapidus na maison francesa vem carregada de expectativas, já que a marca fundada em 1889 por Jeanne Lanvin vem passando por dificuldades internas e sofrendo desafios no setor de luxo, e ele é especialista em inovação de moda.

O estilista lançou recentemente o serviço o “Creation Olivier Lapidus”, que classificou como a primeira marca couture online. Através dele, todas as peças podem ser compradas logo após serem desfiladas através de um canal de comunicação disponível em 11 idiomas onde é possível marcar com a equipe de costureiras um horário para a marcação de medidas.

Croqui de Lapidus para sua marca couture online

Entre os anos 1985-86, Lapidus atuou como diretor criativo da Balmain Homme. Em seguida, migrou para a Maison Lapidus, marca fundada por seu pai, Ted Lapidus, que criava roupas para Os Beatles. Com o fim da marca, em 2000, ele seguiu criando coleções-cápsulas para algumas clientes, e assinou a decoração do hotel Felicien, em Paris.

Compartilhe: