Instituto Europeu de Design vai promover o Modacamp e Casa de Criadores estará lá!

Anote aí turma ligada em moda e business: durante os dias 29 e 30 de agosto, em sua sede em São Paulo, com entrada gratuita, o Instituto Europeu de Design – IED São Paulo promove o Modacamp. O encontro tem o intuito de fomentar a importância do empreendedorismo no setor, apontar as principais tendências de negócios e debater o futuro do mercado fashion no país e, este ano, não por acaso, traz o tema “Realizadores”.

Por meio de mesas e painéis compostos por players do mercado fashion como Grendene, Google Moda, Amaro, Dafiti e profissionais de peso do setor como o CEO da marca de moda Reserva, Rony Meisler, o fundador da Casa de Criadores, André Hidalgo, o diretor da marca Melissa, Paulinho Pedó, entre outros, vai promover inspiração, cases de sucesso, tendências de negócios, internacionalização e muito business.

André Hidalgo, criador da Casa de Criadores, participa no dia 29 de um dois painéis do evento, que vai apresentar a criatividade como um grande diferencial do país e mostrar os cases de profissionais que, por meio dela, conseguiram seu espaço no mercado. Só a Criatividade Salva tem ainda como convidados Marcella Lima (Diwo), Leandro Benites (Ben) e Carlo Castro (Dien), com mediação de Meline Moumdjian.

Lembrando que o evento acontece na mesma semana da São Paulo Fashion Week, na sede paulistana da faculdade, com entrada gratuita. “A moda enfrenta as revoluções do século XXI e se reinventa. Celebramos neste Modacamp os realizadores, que são os responsáveis por comandar as mudanças e abrir novos caminhos, muitas vezes antecipando o futuro”, afirma Victor Falasca Megido, diretor-geral do IED Brasil.

Ah, e Mario Viana, diretor da Casa de Criadores, será o mediador no dia 30 do Novos negócios: startups na moda, painel que vai apresentar novos modelos de negócios, seja pela questão criativa ou por conceitos inovadores, sob a curadoria da Casa de Criadores. Os convidados são Isaac Silva, Karin Feller, Mario Francisco e Weider Silveiro.

Abaixo, mais informações para quem quer se jogar!

Confira as principais tendências trazidas pelo evento:
1) ULTRASSEGMENTAÇÃO & PROPÓSITO
A moda está se ultrassegmentando e este é um contexto irreversível. A tendência é o crescente aparecimento de marcas de nichos que atendam á diversidade de públicos, como gestantes, pets, portadores de necessidades especiais, veganos, dentre muitos outros. Esse modelo coexistirá com os grandes grupos de varejo, especialmente nas metrópoles.
A ultrassegmentaçao está intimamente ligada a negócios com mais propósito e identificação com a história de vida e valores dos empreendedores. Abordar novos nichos exige conhece-los e vivenciá-los para trazer “verdade” á proposta apresentada, o que gera maior aderência e engajamento dos públicos, criando comunidades de consumidores e apoiadores, que são associados da marca/causa e não mais meros consumidores.
3) FIGITAL (OU PHYGITAL)
Esta tendência aponta a junção físico com o digital. Embora apontada há dois ou três anos, começa ganhar contornos mais definidos agora. Não dá mais para pensar numa experiência de consumo que seja apenas física ou digital. Na verdade, cada vez mais acabou a separação entre essas realidades. Hoje somos tanto átomos quanto dados e pixels.
A marca começa no online e termina no físico e vice-versa, conceito bem representado pela simbologia do ouroboros, a cobra ou dragão que devora a própria calda; ou mesmo pelo símbolo de infinito. Ou seja, digital e físico devem ser uma coisa só, ampliando a experiência e a oferta de serviços.
O conceito de figital revoluciona o ponto de venda e muda a lógica do marketing e construção de marcas, apenas para citar algumas implicações.
2) CULTURA MAKER OU ARTESANATO DIGITAL:
A democratização dos meios de produção possibilita a fabricação de itens em baixa escala a preços competitivos, realidade que abre espaço para marcas menores entrarem no mercado. A chamada cultura maker, ou “faça você mesmo”, reflete a junção das técnicas manuais com a tecnologia, estabelecendo uma espécie de artesanato digital. Também revela uma participação maior do consumidor final nas interações com os produtos.
4) INOVAÇAO CRIATIVA = BI + SENSIBILIDADE HUMANA
Ouvimos muito falar em Big Data, que são os grandes volumes de dados cruzados de forma analítica para cruzar históricos, perfis demográficos etc. e gerar padrões de comportamento, permitindo antecipar demandas ou identificar potenciais consumidores de forma mais assertiva, por exemplo. O que está no coração disso são as tecnologias de BI, ou Business Intelligence, que podem facilitar a tomada de decisões. O fator humano é cada vez mais importante. As estatísticas são capazes de oferecer parte das respostas, mas como transformá-las em produtos cada vez mais será tarefa dos criativos.
Essa tendência sinaliza uma potencialização da experiência dos consumidores. No final das contas, as marcas querem vender mais, atender melhor e gerar mais satisfação. Usados de forma estratégica, esse conjunto de tecnologias aliado á criatividade geram um ganha-ganha promissor. Mal utilizados significam invasão de publicidade e baixa diferenciação. O desejo humano nunca caberá em uma equação. É o que está nas entrelinhas que gera diferenciação.
5) FLEXIBILIZAÇÃO DO PADRÃO DE BELEZA:
Essa tendência impacta a construção da imagem da moda e os padrões de corpos, estilos etc. Um reflexo imediato são as campanha multiétnicas. Cada vez mais a diversidade nos leva a aceitar um conceito de beleza mais abrangente e menos massificado. Até Hollywood já vem adotando padrões diferentes de protagonistas, atendendo a públicos mais diversificados.
A indústria da beleza amplia a oferta de produtos para diferentes tipos de peles, os acessórios ganham inspiração multicultural. Há, por um lado, o reforço da construção das identidades e, por outro, o híbrido, a síntese, a bricolagem – a desindexação de procedências, que combina o inusitado e o ressignifica.
Todas as macrotendências citadas estão representadas nos conteúdos do evento, estabelecendo relações entre negócios, produto, conteúdo e consumidor.

Premiação

Durante o Modacamp, o IED confere o Prêmio Ícone da Moda – que, nas edições anteriores, homenageou Elio Fiorucci, Costanza Pascolato, Amir Slama, Jum Nakao e Ronaldo Fraga. Em 2017, será entregue ao empreendedor Carlos Jereissati Filho, CEO do Grupo Iguatemi, por sua trajetória e contribuição aos negócios de moda no Brasil.

“O Iguatemi, primeiro shopping da América Latina, comemora 50 anos e, assim como o IED, Carlos Jereissati simboliza a longevidade nos negócios, a excelência nos serviços e o alto padrão de qualidade, valores que compartilhamos na preparação dos profissionais do futuro”, considera Megido.

Para participar dos painéis do ModaCamp, basta se inscrever pelo www.ied.edu.br/modacamp para garantir o lugar.

Confira abaixo a programação do evento:
DIA 29/8
14h30 – A moda saiu de moda?
Disrupção, reinvenção e o que vai ser da moda daqui pra frente.

Profissionais de diferentes vertentes do mercado de moda farão uma análise do setor e mapearão as atuais e também futuras oportunidades de negócio. O encontro vai sinalizar as ferramentas e caminhos para o sucesso, a importância tanto das novas tecnologias, quanto das pesquisas sobre comportamento de consumo e as possibilidades de inovação que podem ser implementadas neste mercado.

Convidados: Andréa Bisker (Head Stylus Brasil) e Alexandra Farah (WeAr)
Mediação: Bruno Pompeu

16h00 – Só a criatividade salva!

O painel vai apresentar a criatividade como um grande diferencial do País e mostrar os cases de profissionais que, por meio dela, conseguiram seu espaço no mercado.

Convidados: André Hidalgo (Casa de Criadores), Marcella Lima (Diwo), Leandro Benites (Ben), Carlo Castro (Dien)
Mediação: Meline Moumdjian

17h30 – O que já deu e o que vai dar em conteúdo de moda

Serão discutidas as tendências de conteúdo de moda em três diferentes vertentes: comercial (foco em e-commerce), editorial (mudanças na relevância dos conteúdos) e analítica (métricas e mapeamento de interesses).

Convidados: Luigi Torre (colaborador Elle), Caline Migliato (Dafiti), Google Moda
Mediação: Danilo Carpigiani

19h00 – Rony Meisler, CEO do Grupo Reserva (Special guest)
Fazer diferente: rebeldes têm asas

O CEO do Grupo Reserva, Rony Meisler, falará sobre o modelo de negócio “fora da caixa” que adotou para sua empresa e que, mesmo num mercado em crise, consegue ampliar a quantidade de PDVs. O empresário vai abordar também: a importância de trabalhar o marketing e a comunicação de uma maneira divertida, a apresentação de um conceito muito diferenciado, principalmente no mercado de moda masculina, e a relevância da questão social para a empresa.

Apresentação: Katherine Sresnewsky

30/8
14h30 – Novos negócios: startups na moda

O painel vai apresentar novos modelos de negócios, seja pela questão criativa ou por conceitos inovadores, sob a curadoria da Casa de Criadores.

Convidados: Isaac Silva, Karin Feller, Mario Francisco e Weider Silveiro
Mediação: Mario Viana

15h15 – Mood in Brazil

O painel trará empresas nacionais do mercado de moda que estão expandindo seus negócios, conquistando novos mercados e se internacionalizando. As companhias falarão sobre as ferramentas e estratégias de negócios utilizadas para terem êxito nesse caminho.

Convidado: Paulinho Pedó (Diretor Melissa/Grendene)
Mediação: Renan Serrano

16h30 – Moda com propósito: nichos e novos mercados.

A mesa irá apresentar como funciona a dinâmica dos modelos de negócio de nichos ou ultrassegmentados, com foco em públicos bem definidos.
Convidados: Luiz Wachelke (Alhma e IED Rio), Daniela Auler (Moda Inclusiva) e Gabriel Rajão (Textília) e Eloisa Artuso (Fashion Revolution)
Mediação: Márcia Melo

18h00 – Diversidade na beleza

Convidada: Carolina Vasone, editora de beleza da Elle
Mediação: Juliana Lopes

A jornalista vai abordar a diversidade da beleza no mercado nacional e os impactos gerados nos contextos atual e futuro.

19h00 – Prêmio Ícone da Moda – Empreendedor
Carlos Jereissati Filho

Modacamp 2017
Data: 29 e 30 de agosto, das 14h às 20h
Local: Instituto Europeu de Design – IED – Rua Maranhão, 617, Higienópolis, São Paulo
Entrada gratuita
Necessário se inscrever no www.ied.edu.br/modacamp para participação nos painéis
Informações: (11) 3660-8000
Instagram: @iedsp / Twitter: @IEDSaoPaulo / Facebook: https://pt-br.facebook.com/iedsp/

Compartilhe: