Artsy! Uma tonelada de purpurina cobrirá parede do extinto teatro do Cassino da Urca. Entenda!

O IED (Istituto Europeo di Design) e a TAL Projects preparam para o dia 25 de novembro a abertura da exposição “Cassino” – intervenção do artista Heleno Bernardi com cerca de uma tonelada de purpurina dourada que vai cobrir as paredes, palco e fosso da orquestra do lendário teatro do Cassino da Urca, no Rio.

Interior do teatro Cassino da Urca, no Rio || Créditos: Heleno Bernardi

Com curadoria de Renato Rezende, a visita à intervenção é gratuita e propõe uma “alusão metafórica aos dias gloriosos, à riqueza que atraía os jogadores, ao brilho dos artistas e também à efemeridade da sorte que girava pelas roletas”. Os quase mil quilos de purpurina usados no projeto terão reaproveitamento sustentável ao final da exposição.

Quadro demonstrativo da instalação || Créditos: Heleno Bernardi

O material será retirado das paredes e piso, triturado juntamente com os resíduos sólidos da obra e se misturará à massa do novo concreto que será usada na reforma que o IED vai promover a partir de 2018 e que terá selo verde. Tratam-se das obras de revitalização que vão transformar a construção que abrigou o Hotel Balneário e o Grill Room no IED Lab – Centro Latino-Americano de Inovação em Design. Seu lendário palco abrigará um auditório moderno para múltiplos usos.

O artista plástico Heleno Bernardi em seu ateliê || Créditos: Divulgação

Exposição “Cassino” 
IED (Istituto Europeo di Design), Urca [Lendário teatro do Cassino da Urca] Abertura: 25 de novembro de 2017, das 18h às 21h
Visitação pública: 26 de novembro a 20 de dezembro
Av. João Luiz Alves, 14, Urca Terça a domingo, das 14h às 20h
Entrada gratuita

Compartilhe: