Stephanie Guerra dá curso na Escola da Cidade sobre os fenômenos 25 de Março, Bom Retiro e Brás

Stephanie Guerra é formada e possui mestrado em arquitetura e urbanismo pela FAU-USP e desenvolve seu doutorado na mesma instituição, realizando uma pesquisa sobre as relações entre 25 de Março, José Paulino e Casa Verde no âmbito da indústria de confecções paulista. É ela quem comanda um curso na Escola da Cidade chamado “Territórios de Comércio Popular: 25 de Março, Bom Retiro e Brás”. Ele tem como objetivo oferecer uma reconstituição histórica sobre a origem e o desenvolvimento das ocupações dessas áreas por diferentes comunidades imigrantes a partir do final do século 19.

Stephanie Guerra / Foto: Divulgação

O conteúdo programático abrange todo o século 20 e chega à contemporaneidade, mobilizando o passado para a compreensão de dinâmicas urbanas atuais. Serão abordadas, articuladas e discutidas as principais transformações pelas quais passaram os territórios estudados, a cidade de São Paulo e a indústria da moda.

O público-alvo são estudantes de graduação e pós-graduação, pesquisadores e professores nas áreas de moda, arquitetura e urbanismo e interessados em geral. Será ministrado aos sábados, a partir de 30/03, até 27/04, em um total de cinco encontros. A carga horária é de 20 horas, com quatro horas por aula, sempre das 10h às 15h30.

O Valor para o público externo é de R$ 350. Já o público interno, que abrange alunos, ex-alunos e professores da Escola da Cidade, é de R$ 175.

Stephanie Guerra já pesquisa há algum tempo espaços de comércio e produção de moda, em um primeiro momento mais focada na indústria do luxo e agora no mercado popular. “O meu mestrado na FAU USP foi sobre a Rua José Paulino, a principal via do Bom Retiro. O curso oferece a possibilidade de aprender sobre os três territórios não só em sala de aula, mas também vivenciando os lugares e suas dinâmicas presencialmente, através dos três percursos que são previstos. Um lance de estudar a cidade na cidade, sabe?”, explica ela.

Lembrando que a pesquisadora possui experiência com Visual Merchandising, tendo sido vitrinista da marca Ellus (2007-2015) e curadoria, produzindo duas exposições para a Casa de Criadores (“A Moda na Aeronáutica Brasileira” e “Casa de Criadores, 20”). É pesquisadora do Laboratório para Outros Urbanismos (FAU-USP) e integrante do coletivo PISA, que promove diversos percursos por São Paulo.

Inscreva-se aqui.

 

Compartilhe: