GEFFERSON VILA NOVA

#MANIFESTO

“DAS”



Por que uma marca de moda precisa apresentar novas ideias e novos produtos a cada temporada? Esse questionamento nos inspirou e nos provocou para lançarmos o #manifesto “DAS”. Nossa coleção DAS 2021/2022 nasce em um contexto pandêmico mundial, em que se torna urgente uma ressignificação dos modos de consumo por parte de toda a sociedade.

A Gefferson Vila Nova Label é, em essência, uma marca de design e de filosofia sustentável. Conscientes, assim, da necessidade de pensar e construir uma moda cada vez mais responsável, nossa proposta para essa temporada do Casa de Criadores é reapresentar a DAS, seguindo o conceito slow fashion. Questionamos no nosso fazer criativo a exigência que ainda persiste no “sistema moda”por seguir o fluxo da grande indústria - inclusive para pequenos empreendedores como nós!

A DAS nasce totalmente mergulhada nos processos recycling & upcycling, através da utilização de tecidos de fibras naturais e tecnológicos, que contam com o apoio da Vicunha Têxtil, uma das líderes do segmento no Brasil e no mundo. Uma coleção repleta de produtos que presa pelo design, pela matéria-prima de alto padrão e qualidade, excelência no acabamento e atemporalidade. O que torna nossos produtos objetos que não precisam ser vinculados a sazonalidades. Diante de uma lógica de mercado, compreendemos e respeitamos o processo criativo e de produção de outras marcas. Não somos alheios! Claro que não! Somos pequenos, independentes e vivemos na prática a concepção de uma moda circular. Nossas roupas nãoseguem tendências, não seguem temporadas. São produtos de design prontos para vestir corpos livres de rótulos a qualquer hora, a qualquer tempo!

DAS 2021/2022
A coleção busca transmitir nosso desejo de fugir da realidade diante do cenário-mundo de pandemia.O insight para o processo criativo se deu durante um estudo de modelagem para um macacão que atendesse as necessidades técnicas e biológicas daqueles profissionais da saúde que atuam na linha de frente de combate ao coronavírus. No início da pandemia da Covid-19, o designer começou a elaborar, a pedido de uma professora e amiga, o protótipo de um macacão para uma equipe de médicos. Surgiu ainda, em Salvador, a possibilidade de comercializar aventais e gorros para uma loja de EPIs que atende a área de saúde.

Durante o processo de estudo e desenvolvimento, Gefferson Vila Nova notou que os macacões, normalmente importados, são construídos como um retângulo com mangas; o que não permitia uma boa flexibilidade para a utilização, além de não darem conta da diversidade de corpos. “Adotei, então, uma modelagem de parka para fazer o avental, assim como do macacão. Fiz uma parka de TNT (tecido não tecido), produzi algumas fotos. O efeito visual se aproximou muito do algodão. A ideia da coleção surgiu a partir dessa modelagem”, conta.

A edição limitadaé pensada e estruturada a partir de processosde recyclingeupcycling, com a utilização de tecidos de fibras naturais e tecnológicos, que contam com o apoio da Vicunha Têxtil. A dinâmica criativa de Gefferson Vila Novainclui ainda a garimpagem dos têxteisreafirmando a essência criativa da marca homônima que investe, desde seu surgimento em 2013, em uma proposta circular para o universo fashion.A escolha de“Das”, da língua alemã, para o nome da coleção éassinalada ainda pela preocupação do designer baiano em reafirmar os sentidosatemporal e livre de padrõesinseparáveisà marca. Em alemão, além dos gêneros “masculino” e “feminino”, existe o “neutro” – “das”.

“A coleção é pensada, em especial, para um homem que gosta de design, de explorar essas possibilidades fashion na roupa. Ao mesmo tempo, pode ser agênero. Trabalho com medidas para o corpo masculino, mas faço um convite às todes a experimentarem os shapes mais amplos.As peças, principalmente a camisaria, transitam e extrapolam os rótulos ligados ao vestir”, afirma Gefferson Vila Nova. Entre as criações, o designer destaca as parkas que integram o DNA da marca homônima, as bermudas inspiradas no universo do surf, shorts curtos mesclando elementos da alfaiataria clássica com modelagens esportivas, compondouma coleção cuidadosamente elaborada einfluenciada pelo #StreetWearMadeinBahia.

A MARCA
A GEFFERSON VILA NOVA nasce, em 2013, em Salvador, contextualizada na multiculturalidade característica da capital baiana que deu origem ao imaginário de brasilidade. Transporta para as suas roupas um espírito atemporal que não enxerga barreiras, nemfronteiras.Uma marca brasileira sim, mas com a alma universal. Quem usa GEFFERSON VILA NOVA não veste rótulos, não segue tendências. São comandantes das suas próprias histórias e ávidos por construir e assumir novas formas de consumo. Com criações que mixam o handmade, experimentações têxteis e acabamento e modelagens primorosos, a GEFFERSON VILA NOVAempreende uma conexão entre o sportwear, a alfaiataria,demicouture e high street em perfeita sinergiaa partir de uma concepção de moda circular.




Gefferson Vila Nova é reconhecido no universo fashion pelo seu domínio técnico sobre todas as etapas de concepção e desenvolvimento da coleção. Vila Nova é, acima de tudo, um alfaiate com domínio em modelagem repleta de recortes, costura e acabamento. O que garante a sua marca uma estilização reconhecível por sua qualidade e preocupação com os mínimos e cuidadosos detalhes, que são complementares ao efeito visual e vestível das suas peças. “Gosto das cores e dos brilhos, de roupas estruturadas e principalmente da tecnologia dos tecidos” revela o designer, que imprime em suas coleções todo seu repertório de homem negro, nordestino, baiano do interior do Estado; mas, essencialmente, conectado ao mundo e todas suas potencialidades.

Sua excelência reflete sua paixão por roupas desde a infância no interior da Bahia, na pequena Buracica. Sua paixão e habilidade estimularam sua escolha acadêmica. Graduou-se em Design de Moda, pela Universidade Salvador. Em 2007, deu seus primeiros passos como designer quando participou da Capital Fashion Week – Semana de Moda Brasília. Durante o evento, teve a orientação deJumNakao, um dos grandes nomes da moda feita no Brasil. Do designer e diretor de criação JumNakaorecebeu elogios e reconhecimento, que serviram como um plus a mais para o criativo, que, a partir daí, participou de diversosconcursos, bem como integrou eventos do porte do Hot Spot e da Casa de Criadores, ambos em São Paulo.

De lá para cá, Vila Nova acumula em seu portfólio a participação em feiras internacionais como Pure London e Prêt-à-Porter Paris, Fashion Business,desfiles em três temporadas na Casa Criadores, com retorno confirmado em 2021, além da assinatura do design de um sneaker em parceria com a gigante fabricante de calçados femininosCravo & Canela. Em 2016, foi apontado na edição de março da Revista Elle Brasil - coluna dedicada a novos designers - como um dos nomes promissores da moda nacional. Ganhou destaque também em publicações como Harper’sBazaar Brasil, site Lilian Pacce, L’Officiel Brasil,Caderno Ela O Globo, portal FFW, site britânico Not Just A Label. Camila Yahn(portal FFW), Susana Barbosa e Vivian Whiteman(Elle Brasil) e ChantalSordisão algumas editoras e formadoras de opinião que se renderam ao talento vanguardista desse jovem e promissor.

Fotos: Florian Boccia , Chico Castro /// Stylist: Fagner Bispo  /// Modelo: Diego Alves /// Beleza: Sinval de Jesus /// Apoios: Santista e Vicunha  /// Acessórios: MKWC